Indígenas Yanomami denunciam ao MPF retorno do garimpo ilegal em suas terras | Land Portal | Securing Land Rights Through Open Data
Lideranças Yanomami, acompanhadas de representantes do Instituto Socioambiental (ISA), estiveram na Câmara de Povos Indígenas e Comunidades Tradicionais do Ministério Público Federal (6CCR) na última quarta-feira (15) para denunciar o aumento do garimpo ilegal em seu território, localizado nos estados de Roraima e Amazonas. De acordo com eles, os garimpeiros circulam na terra indígena armados e fazem ameaças aos indígenas, caso denunciem a atividade ilegal. Os índios temem o acirramento da tensão e a ocorrência de conflitos caso não sejam tomadas providências imediatas.
 
Na reunião, os Yanomami relataram que a ação dos garimpeiros aumentou drasticamente após a desativação de três Bases de Proteção Etnoambiental (BAPEs) e da saída do exército brasileiro da região. De acordo com eles, a mineração ilegal tem promovido graves danos socioambientais como aumento da prostituição, alcoolismo, pressão sobre o sistema de atenção à saúde indígena associado ao desmatamento e à contaminação de rios, peixes e outros animais. Os índios pedem a reativação das BAPEs "Demarcação", "Serra da Estrutura" e "Korekorema", como forma de inibir as ações de garimpo e desmatamento, que continuam aumentando de forma desordenada.
 
O líder indígena Davi Kopenawa relatou preocupação com as consequências que o garimpo ilegal pode trazer para a etnia e para o meio ambiente. Ele pediu apoio ao MPF na interlocução junto aos órgãos competentes, para que atuem de forma articulada e célere na retirada dos garimpeiros das terras Yanomami.
 
"O garimpo não é bom para o povo tradicional. Ele não traz benefício pra ninguém. Só traz doença e degradação ambiental. Não tem dinheiro que pague a nossa floresta, os rios e as vidas do nosso povo", afirmou.
 
A 6CCR se comprometeu a buscar uma articulação coordenada com a Polícia Federal e o Ministério da Defesa a fim de combater a ação dos garimpeiros. Também serão feitos esforços em busca da reativação das BAPEs e no acompanhamento da situação da saúde na comunidade indígena.

Share this page

Copyright © Source (mentioned above). All rights reserved. The Land Portal distributes materials without the copyright owner’s permission based on the “fair use” doctrine of copyright, meaning that we post news articles for non-commercial, informative purposes. If you are the owner of the article or report and would like it to be removed, please contact us at hello@landportal.info and we will remove the posting immediately.

Various news items related to land governance are posted on the Land Portal every day by the Land Portal users, from various sources, such as news organizations and other institutions and individuals, representing a diversity of positions on every topic. The copyright lies with the source of the article; the Land Portal Foundation does not have the legal right to edit or correct the article, nor does the Foundation endorse its content. To make corrections or ask for permission to republish or other authorized use of this material, please contact the copyright holder.