Latest News

12 Abril 2017
Europa
Angola
Brasil
Cabo Verde
CPLP
Guiné
Guiné-Bissau
Moçambique
Portugal
São Tomé e Príncipe
Timor-Leste
Guiné Equatorial
Macau

Os camponeses, pescadores, pastores e outras pessoas que trabalham em áreas rurais produzem a maioria da comida saudável e diversa que comemos todos os dias. Na Europa e em todo o mundo, desempenham um papel central para assegurar a soberania alimentar das nossas comunidades e a resiliência do nosso sistema alimentar face às alterações climáticas. Contudo, as pequenas propriedades estão a desaparecer rapidamente e a agricultura camponesa está sob ameaça devido à expansão da agricultura industrial, à acumulação de terras e ao desmantelamento do apoio público.

TropiKMan PhD
Angola
Brasil
Cabo Verde
CPLP
Guiné Equatorial
Guiné-Bissau
Moçambique
Portugal
São Tomé e Príncipe
Timor-Leste
Macau

Fonte: SKAN

Autora: Teresa Vaz

Publicado a 20/12/2016 às 17:50

Está aberto concurso para a atribuição de 9 bolsas de doutoramento FCT, no programa Tropical Knowledge and Management. Este programa é acolhido pela Nova SBE e oferecido em consórcio por duas universidades portuguesas e quatro africanas. Conta com o apoio institucional da CPLP.

Fonte: https://iictcooperacao.wordpress.com/2016/12/06/tropikman-phd-2017-18-concurso-aberto/

II FAFSAN
Angola
Brasil
Cabo Verde
Guiné Equatorial
Guiné-Bissau
Moçambique
Portugal
São Tomé e Príncipe
Timor-Leste

Fonte: MSC-CONSAN
Setembro de 2016

Antecedentes

II Forum da Agricultura Familiar e da Segurança Alimentar e Nutricional (FAFSAN II) na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) dá continuidade ao I Fórum realizado em São Tomé e Príncipe, em Março de 2015. O FAFSAN II terá lugar na sede da CPLP*, em Lisboa, de 26 a 30 de Setembro de 2016, e constituirá um momento de discussão, capacitação, partilha e fortalecimento do diálogo com outros atores envolvidos na implementação da Estratégia de Segurança Alimentar e Nutricional (ESAN) da CPLP.

Objetivos

Blogs

Discussions

Events

Library

Organizations

A Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) é o foro multilateral privilegiado para o aprofundamento da amizade mútua e da cooperação entre os seus membros. Criada em 17 de Julho de 1996, a CPLP goza de personalidade jurídica e é dotada de autonomia financeira. A Organização tem como objectivos gerais: 
 
A concertação político-diplomática entre seus estados membros, nomeadamente para o reforço da sua presença no cenário internacional;

O IMVF – Instituto Marquês de Valle Flôr é uma Organização Não Governamental para o Desenvolvimento (ONGD) que acredita no esforço conjunto dos milhões de pessoas que em todo o Mundo procuram promover o desenvolvimento junto das populações mais carenciadas.



Centramos a nossa intervenção nos países de língua portuguesa e assumimos como missão a promoção do desenvolvimento socioeconómico e cultural.



Civil Society Organization

Apresentação.

A Plataforma de Camponeses da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (PC-CPLP) é um espaço de articulação entre as organizações representativas da agricultura familiar e dos pequenos agricultores dos países de língua portuguesa (Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe) que pretende influenciar a agenda política relacionada com a Agricultura Familiar, Soberania Alimentar e Direito Humano à Alimentação Adequada nos níveis nacional, regional (CPLP) e global. 

Share this page