Os produtos nacionais e as empresas privadas | Land Portal

Angola tem terras férteis para se produzir alimentos, para se acabar com a fome no país e para se abastecer os mercados do país com produtos do campo.

É do conhecimento das pessoas que há no país empresários que produzem bens de diversa natureza. Sabe-se que muitos agricultores que estão no campo não conseguem vender os seus produtos, porque não têm compradores ou porque não os podem escoar para os mercados.
 
Já há no país agricultores que produzem muita coisa de que os angolanos precisam, podendo-se dispensar a importação de certo tipo de produtos. Há agricultores  em Angola que vivem exclusivamente da sua produção, tendo até excedentes que ninguém compra.
 
A decisão do Governo de fazer grandes compras de bens no mercado nacional vai contribuir para alavancar muitas empresas privadas, em particular as que estão nas zonas rurais. Produz-se muito no campo, e importa que o Estado, que realiza muitas despesas, esteja focado na produção nacional .
 
Se o Estado passar a realizar despesas com a compra de bens produzidos por empresas angolanas, isso pode contribuir para a redução do desemprego e incentivar a criação de muitas unidades produtivas.
 
Há muitas empresas que estão paralisadas porque, depois dos investimentos realizados, não conseguem ver retorno, em termos de lucros, porque o mercado não consome o que produzem. As empresas privadas procuram  a maximização do lucro e são elas que, estando a funcionar, asseguram empregos a muitos milhares de pessoas, fazendo com que famílias vivam sem grandes dificuldades. 
As empresas são essenciais em qualquer economia. O Estado deve continuar a prestar atenção às empresas, criando os incentivos necessários para a sua criação e para a sua preservação. 
 Não estando mais o Estado em condições de absorver pessoas desempregadas, é importante que se crie um ambiente que permita que o sector empresarial privado dê um impulso considerável no sentido de muitos jovens poderem ter um emprego.
 
Esperamos que o Estado passe a comprar muitos produtos nacionais, em particular os do campo, a fim de incentivar os empresários nacionais a produzirem mais e alargar os seus negócios, com benefícios para produtores e consumidores.
 
Se os empresários angolanos tiverem dinheiro, conseguido por via da actividade produtiva, muitas famílias viverão melhor. É importante que as empresas privadas que estão na falência voltem a produzir e que se criem outras. O sector empresarial privado contribui grandemente para o crescimento da economia.

 

Compartilhe esta página

Copyright © Source (acima referido). O Land Portal distribui alguns materiais sem a permissão do detentor dos direitos autorais com base na doutrina do "uso justo" dos direitos de autor, o que significa que publica artigos de notícias para fins informativos não-comerciais. Se você é o proprietário do artigo ou relatório e gostaria que ele seja removido, por favor contacte-nos em hello@landportal.info e iremos remover a publicação imediatamente.

Vários itens de notícias relacionadas à governança da terra são publicadas no Land Portal todos os dias pelos utilizadores do Land Portal, a partir de várias fontes, tais como organizações noticiosas e outras instituições e indivíduos, o que representa uma diversidade de posições sobre cada tópico. O autor é identificado com a fonte do artigo; A Fundação Land Portal não tem o direito legal de editar ou corrigir o artigo, nem a Fundação endossa o seu conteúdo. Para fazer correções ou pedir permissão para republicar ou outro uso autorizado deste material, por favor entre em contato com o titular dos direitos de autor.