Angola: Mulheres rurais solicitam apoio | Land Portal | Protegendo os direitos da terra através de dados abertos
Author(s): 
Kamuanga Júlia | Saurimo
Language of the news reported: 
Português
Mulheres de vários estratos sociais da província da Lunda-Sul defendem a simplificação de critérios para atribuição de terras para o cultivo, bem como acesso ao crédito bancário, visando o aumento da produção nas comunidades.
 
O apelo foi feito em Saurimo durante um fórum sobre a mulher rural, promovido pela Direcção Provincial da Acção Social, Família e Igualdade do Género.
 
“A realidade da mulher no campo apela ao reforço em meios, como transporte, para facilitar o escoamento dos produtos. Esse encontro visa avaliar políticas públicas definidas e realinhar projectos e programas com o foco na resolução dos principais problemas que afectam as mulheres rurais”, disse a directora do Gabinete Prov incial da Acção Social, Família e Igualdade do Género, Maria Guilherme.
 
A promoção e valorização da mulher rural, definição de projectos que contribuam para a melhoria das condições de vida e criação de associações, para facilitar a captação de apoios do Governo, constam entre as estratégias definidas pelo Gabinete da Acção Social, Família e Igualdade do Género, segundo Maria Guilherme.
 
O contributo da mulher rural na luta de libertação nacional preencheu parte do discurso proferido pelo vice-governador para os Serviços Técnicos e Infra-estruturas, Leandro Caputo, que, entre as inúmeros dificuldades enfrentadas pela mulher rural sublinhou as de acesso aos serviços sociais básicos, formação técnico-profissional e emprego.
 
No domínio da gestão do lar citou a desestabilização familiar, reflexo da violência e fuga à paternidade. “Estas e outras preocupações continuam a preocupar o Governo, que, através da mobilização nas comunidades, em palestras, procura banir práticas negativas”.
 
Durante o fórum sobre a mulher rural foram debatidos temas ligados aos critérios de acesso à terra, fomento ao crédito para o exercício da agricultura, piscicultura, melhoramento da renda das famílias no meio rural, bem como contribuição das parteiras tradicionais, como agentes de mobilização social para a saúde reprodutiva.
 
Foram ainda debatidos temas ligados aos mecanismos para captação de água e práticas para adesão das mulheres ao processo de alfabetização.

Compartilhe esta página

Copyright © da fonte (mencionado acima). Todos os direitos reservados. O Land Portal distribui materiais sem a permissão do proprietário dos direitos autorais com base na doutrina de “uso justo” dos direitos autorais, o que significa que publicamos artigos de notícias para fins informativos e não comerciais. Se você é o proprietário do artigo ou relatório e gostaria que ele fosse removido, entre em contato conosco pelo endereço hello@landportal.info e removeremos a publicação imediatamente.

Várias notícias relacionadas à governança da terra são publicadas no Land Portal todos os dias pelos nossos usuários, partindo de várias fontes, como organizações de notícias e outras instituições e indivíduos, representando uma diversidade de posições sobre cada tópico. Os direitos autorais estão na origem do artigo; a fundação não tem o direito legal de editar ou corrigir o artigo, nem endossar o seu conteúdo. Para fazer correções ou solicitar permissão para republicar ou outro uso autorizado deste material, entre em contato com o detentor dos direitos autorais.