Episódio 2- Onde chegamos na igualdade de gênero? | Land Portal

Este episódio de LandUP! aborda um tema muitas vezes negligenciado ao discutir os direitos das mulheres viúvas à terra. As mulheres viúvas enfrentam obstáculos e desafios muito diferentes quando se trata de acesso à terra e este momento de suas vidas vale a pena explorar. Com isto em mente, falamos com a advogada de direitos humanos Faith Alubbe, a economista de terras Nana Ama Yirrah e a consultora principal de Mokoro e membro do Conselho do Land Portal Dr. Elizabeth Daley sobre a viuvez e como os direitos das mulheres à terra são freqüentemente vinculados aos de um homem, com um foco específico na África.

Related content: 
Library Resource
Relatórios e Pesquisa
Janeiro, 2020
Global

Women’s land and property rights are increasingly understood as an important driver of economic
growth and social development, as well as being critical to human rights for women. Growing evidence
confirms that women’s land and property rights lead to important social and economic outcomes for
women and their families.Yet around the world, women remain significantly disadvantaged

Library Resource
Relatórios e Pesquisa
Setembro, 2021
África

Women represent a large part of the 2.5 billion people who depend on lands managed through customary, community-based tenure systems and are especially reliant on commons for their lives and livelihoods. They have very often limited and unsecured access to land and natural resources and tend to be excluded from decisions concerning them.

Library Resource
Relatórios e Pesquisa
Julho, 2020
Global

The Sustainable Development Goals (SDGs) 1.4.2 and 5.A.1 refer to the strengthening of women’s land and property rights as a fundamental pathway towards poverty reduction and women’s empowerment. Securing women’s land and property rights can increase agricultural productivity, incentivise the adoption of climate-resilient natural resource management and increase household spending on health and education.

Blog post
Zambia’s House of Chiefs
Zâmbia

Gender equality guidelines will motivate Zambia’s traditional leaders to champion women’s rights in land and resource management

Women in Zambia, like in most countries, have less access to land, productive resources, and opportunities than men. Due to discriminatory gender norms that view men as heads of household, men typically have more decision making power at both the household and community level. This leads women to have less of a voice in decisions about land use, income earning opportunities, household finances, and community resource distribution. 

Copyright © da fonte (mencionado acima). Todos os direitos reservados. O Land Portal distribui materiais sem a permissão do proprietário dos direitos autorais com base na doutrina de “uso justo” dos direitos autorais, o que significa que publicamos artigos de notícias para fins informativos e não comerciais. Se você é o proprietário do artigo ou relatório e gostaria que ele fosse removido, entre em contato conosco pelo endereço hello@landportal.info e removeremos a publicação imediatamente.

Várias notícias relacionadas à governança da terra são publicadas no Land Portal todos os dias pelos nossos usuários, partindo de várias fontes, como organizações de notícias e outras instituições e indivíduos, representando uma diversidade de posições sobre cada tópico. Os direitos autorais estão na origem do artigo; a fundação não tem o direito legal de editar ou corrigir o artigo, nem endossar o seu conteúdo. Para fazer correções ou solicitar permissão para republicar ou outro uso autorizado deste material, entre em contato com o detentor dos direitos autorais.

Compartilhe esta página