Terras indígenas related News | Land Portal
Existem 1,002 itens de conteúdo relacionados a Terras indígenas no Land Portal.

Terras indígenas

territory whose owners legitimacy is drawn from prior occupancy (founding fathers).

LandVoc browser in AGROVOC: 
<a href='https://explore.landvoc.org/landvoc/en/page/?uri=http://aims.fao.org/aos/agrovoc/c_86524ff8' target='_blank'>https://explore.landvoc.org/landvoc/en/page/?uri=http://aims.fao.org/aos/agrovoc/c_86524ff8</a>
Exibindo 1 - 12 de 334
Tiago Miotto (Cimi)
1 Setembro 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil
Mineração, agronegócio e extração de madeira são os setores que mais geram conflitos no campo, aponta a Global Witness
 
Quase 90% da violência contra ativistas e defensores da terra e do meio ambiente do Brasil está concentrada na Amazônia.
 
foto: Tiago Miotto/Cimi
26 Agosto 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil
 
O prazo dado pela Justiça para que os indígenas desocupem parte da terra acabou na terça-feira (25). Entretanto, a reintegração de posse ainda não aconteceu. O ato de resistência, liderado pelo presidente do Conselho dos Caciques, Siratã Pataxó, contou com danças, orações e gritos de ordem.
 
Fonte: Folha de São Paulo
16 Agosto 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil
Equipes de bombeiros de Mato Grosso e de Mato Grosso do Sul continuam lutando contra o incêndio na região do Pantanal, em uma operação que teve início na primeira semana de agosto. O governo de Mato Grosso estima que uma área de 204 mil hectares já tenha sido atingida pelo fogo nos municípios de Barão de Melgaço e Poconé.
 
Yvyrupa
3 Agosto 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil
A Comissão Guarani Yvyrupa é uma organização indígena que representa os povos Guarani na região Sul e Sudeste do Brasil com a missão de defender os direitos do povo Guarani, em especial pela defesa dos direitos territoriais.
 
EPA/Joedson Alves
4 Julho 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil
Os garimpeiros têm sido o principal veículo da pandemia entre os Yanomami. Os índios têm uma grande sensibilidade imunológica daí que a covid-19 na população indígena tenha um elevado risco de mortalidade.
 
mppa
27 Junho 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil
STF autorizou negociação direta entre a Prefeitura de São Félix do Xingu e União, sem consulta a indígenas ou ao MPF. Procurador pede a realização de uma audiência pública com as partes interessadas.
 
Foto: Tommaso Protti/30-4-2019
9 Junho 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil

Segundo levantamento da Câmara de Populações Indígenas e Comunidade Tradicionais do Ministério Público Federal, há 9.901 propriedades inscritas no Cadastro Ambiental Rural sobrepostas a terras indígenas em diferentes fases de regularização ou a áreas com restrição de uso.

Foto: VICTOR MORIYAMA / ISA
4 Junho 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil
A Terra Yanomami é a maior do Brasil e também a mais vulnerável à Covid-19 na Amazônia. Estima-se que 20 mil garimpeiros estejam infiltrados na região.
 
Fonte: Brazil Wonders
23 Abril 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil
Estudo mostra que menos de 10% dos municípios brasileiros com terras indígenas possuem leitos de UTI; sistema de saúde indígena atende apenas quadros leves
 
Fonte: Agência Brasil
19 Abril 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil
Na Amazônia, o coronavírus chega cada vez mais perto dos índios. Além do garimpo e do desmatamento, foi descoberto um esquema de grilagem dentro das terras indígenas.
 
Este domingo é 19 de abril, Dia do Índio. Mas, infelizmente, o momento é de apreensão. O número de casos de Covid-19 entre os indígenas brasileiros vem aumentando.
 
 Peetsaa/Arquivo CGIIRC-Funai
9 Abril 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil
Imagens de satélite mostram que garimpeiros estão ampliando suas operações dentro da Terra Indígena Yanomami, em Roraima e no Amazonas, mesmo durante a pandemia do novo coronavírus.
 
Fonte: Al Día News
3 Abril 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Argentina

A CIDH, com sede na Costa Rica, publicou nesta quinta-feira a sentença na qual aponta o Estado argentino como responsável pela violação dos direitos de propriedade comunitária, identidade cultural, ambiente saudável, alimentação adequada e água de 132 comunidades indígenas pertencentes aos povos Wichí, Iyjwaja, Komlek, Niwackle e Tapy'y. 

Blogues

Eventos

Debates

Organizações

Anuario Antropologico

Anuário Antropológico (Anuário Antropológico)

Anuário Antropológico é uma revista semestral do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade de Brasília (PPGAS/UnB). Publica artigos originais, ensaios bibliográficos, resenhas, críticas e outros textos de natureza acadêmica que apresentem pesquisas empíricas de qualidade, diálogos teóricos relevantes e perspectivas analíticas diversas. A Revista publica textos em português, inglês, espanhol ou francês.Os artigos selecionados pela comissão editorial são submetidos a pareceristas externos em regime de anonimato.

A Articulação dos Povos Indígenas do Brasil – APIB é uma instância de aglutinação e referência nacional do movimento indígena no Brasil, que nasceu com o propósito de:

– fortalecer a união dos povos indígenas, a articulação entre as diferentes regiões e organizações indígenas do país;
– unificar as lutas dos povos indígenas, a pauta de reivindicações e demandas e a política do movimento indígena;
– mobilizar os povos e organizações indígenas do país contra as ameaças e agressões aos direitos indígenas.

Martinus Nijhoff Publishers was an independent academic publishing company dating back to the nineteenth century, which is now an imprint of Brill Publishers. Founded in 1683, Brill is a publishing house with a rich history and a strong international focus. The name was changed to Brill–Nijhoff. Brill is a prestigious imprint with its portfolio focuses on areas in Public International Law, Human Rights, Humanitarian Law and increasingly on International Relations. Brill publishes over 800 books per year in both print and electronic format.

CEAS

Desde que foram lançados (1969), os Cadernos do CEAS buscam discutir criticamente temas diversos, que se relacionam com questões sociais, sempre na perspectiva de analisar a realidade brasileira em sua inserção internacional, apontando as iniciativas das classes trabalhadoras como caminho para a superação das situações de opressão e dos seus traços mais perversos, com o resgate da gigantesca desigualdade social que torna o Brasil um caso único e extremo entre os países industrializados.

Mission et Objectifs

Le CED s’est donné pour mission de contribuer à la protection des droits, des intérêts, de la culture et les aspirations des communautés locales et autochtones des forêts d’Afrique Centrale, par la promotion de la justice environnementale et de la gestion durable des ressources naturelles dans la région.

Nos objectifs sont les suivants:

csu

Ciências Sociais Unisinos é uma publicação quadrimestral da Universidade do Vale do Rio dos Sinos – Unisinos e dedica-se a publicar artigos inéditos que contribuam para a reflexão e o estudo interdisciplinar das Ciências Sociais.

 

ccda_guatemala

The CCDA is an organization that fights for the improvement of the living conditions of the indigenous farmers by seeking a global change in the social, economic and political spheres, and for the respect of the cultures, ethnicity, language(s), traditions and territories of these peoples.

UFS

Editora UFS (Editora UFS)

A Editora UFS, composta pelo Conselho Editorial e pela Coordenação Gráfica, tem como missão atuar na divulgação da produção cultural e científica tanto da comunidade universitária quanto da sociedade como um todo. Através do lançamento periódico de editais e da publicação de obras avulsas, esta Editora tem realizado um trabalho de divulgação de obras científicas e culturais produzidas por autores sergipanos e do restante do Brasil.
 

ECDO’s mission is to assist indigenous communities in working for a positive and sustainable change for those deprived of rights and opportunities by implementing both service delivery and rights based approaches. ECDO implements its activities in a fully participatory and bottom-up approach with an emphasis on empowerment from within indigenous communities.

Our vision

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, Incra, é uma autarquia federal cuja missão prioritária é executar a reforma agrária e realizar o ordenamento fundiário nacional.

Criado pelo Decreto nº 1.110, de 9 de julho de 1970, atualmente o Incra está implantado em todo o território nacional por meio de 30 superintendências regionais.

Missão do Incra:
Implementar a política de reforma agrária e realizar o ordenamento fundiário nacional, 
contribuindo para o desenvolvimento rural sustentável.

ISA
O Instituto Socioambiental (ISA) é uma organização da sociedade civil brasileira, sem fins lucrativos, fundada em 1994, para propor soluções de forma integrada a questões sociais e ambientais com foco central na defesa de bens e direitos sociais, coletivos e difusos relativos ao meio ambiente, ao patrimônio cultural, aos direitos humanos e dos povos.
 

Compartilhe esta página

Últimas notícias

Tiago Miotto (Cimi)
1 Setembro 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil
Mineração, agronegócio e extração de madeira são os setores que mais geram conflitos no campo, aponta a Global Witness
 
Quase 90% da violência contra ativistas e defensores da terra e do meio ambiente do Brasil está concentrada na Amazônia.
 
foto: Tiago Miotto/Cimi
26 Agosto 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil
 
O prazo dado pela Justiça para que os indígenas desocupem parte da terra acabou na terça-feira (25). Entretanto, a reintegração de posse ainda não aconteceu. O ato de resistência, liderado pelo presidente do Conselho dos Caciques, Siratã Pataxó, contou com danças, orações e gritos de ordem.
 
Fonte: Folha de São Paulo
16 Agosto 2020
América Latina e Caribe
América do Sul
Brasil
Equipes de bombeiros de Mato Grosso e de Mato Grosso do Sul continuam lutando contra o incêndio na região do Pantanal, em uma operação que teve início na primeira semana de agosto. O governo de Mato Grosso estima que uma área de 204 mil hectares já tenha sido atingida pelo fogo nos municípios de Barão de Melgaço e Poconé.