Fundação Getúlio Vargas, Escola de Direito de São Paulo | Land Portal | Securing Land Rights Through Open Data
Fundação Getúlio Vargas logo
Phone number: 
(11) 3799-2214

Location

São Paulo
Brazil
BR
Working languages: 
Portuguese

 

O posicionamento do Brasil no rol das potências e lideranças mundiais tem levado à redefinição dos conteúdos das áreas clássicas do Direito e ao surgimento de novas áreas e novos tipos de advocacia, o que torna premente a necessidade de formação de quadros profissionais que sejam, além de altamente qualificados, capazes de atuar em patamares diferenciados.

Para responder às demandas do mercado atual, os alunos da DIREITO SP são preparados para atuar nas esferas pública e privada e para dialogar com outros campos do conhecimento, a fim de que possam influenciar positiva e profundamente o cenário jurídico no Brasil e no exterior.

A vocação da DIREITO SP, em seus programas acadêmicos, é ser uma escola com professores doutores e alunos dedicados integralmente ao ensino e à pesquisa e comprometida com a inovação permanente, tanto ao utilizar métodos de ensino participativos quanto ao conduzir pesquisas – preferencialmente empíricas, coletivas e de interesse público – com elevado padrão de qualidade No que concerne à educação executiva, a DIREITO SP busca aumentar sua inserção substantiva no mercado jurídico, tendo em mente a integração entre o direito e outros campos do conhecimento e o desenvolvimento de habilidades importantes para o desempenho das atividades profissionais de seus alunos. Seu Programa de Pós-Graduação Lato Sensu (GVlaw) diferencia-se por dispor de grupos de pesquisa dedicados à produção de material didático e bibliográfico próprio, a fim de oferecer a seus alunos material atualizado e em consonância com as premissas da DIREITO SP.

Com tais pressupostos e ações em mente, a DIREITO SP pretende consolidar-se como alternativa ao modelo tradicional de ensino do Direito e manter a postura crítica sempre assumida em relação a esse campo de saber.

Fundação Getúlio Vargas, Escola de Direito de São Paulo Resources

Displaying 1 - 1 of 1
Peer-reviewed publication
December 2012

O objetivo deste artigo reside na análise do caso do Jardim Botânico da cidade do Rio de Janeiro, onde, ao longo do tempo, se instalou a Comunidade do Horto, por meio de ocupações consolidadas em área da União Federal. A questão encontra-se judicializada ea partir de processos iniciados nos anos 1980 (nos quais a própria União é parte autora) que visaram à retirada dos moradores.

Share this page